Buscar
  • Fabiano Birchal

O Intraempreendedorismo pode Transformar a sua Empresa!

O contexto dinâmico, imprevisível, líquido e complexo da sociedade e cenário de negócios contemporâneos impõe às empresas uma urgente necessidade de Transformação. Essa transformação vai além das fronteiras tecnológicas, vai além do desenvolvimento digital: trata-se de uma reprogramação do modo de ser e fazer das organizações e, é claro, dos profissionais.


Nesse particular, as organizações estão redirecionando o foco das iniciativas de Inovação: de um posicionamento muito orientado a Produtos e Serviços, para uma abordagem ampla, que abarca Estratégia, Modelo de Negócio, Processos, Tecnologias, Portfólio de Soluções e Cultura.

É nesse contexto, pois, que o Intraempreendedorismo se revela como uma vertente poderosa para promover a cultura de experimentação, inovação e aprendizado, habilitando o desenvolvimento d


e melhorias e inovações diversas para as organizações, em perspectiva processual e cultural, e não apenas como projeto específico ou ação isolada.

O termo intraempreendedorismo foi criado por Gifford e Elizabeth Pinchot no final da década de 1970, para caracterizar as ações das empresas no sentido de criar um ambiente interno de incentivo à criatividad


e, à aceitação de riscos e à inovação.

As pessoas intraempreendedoras assumem a responsabilidade pela criação de inovações de qualquer espécie dentro de uma organização, exercendo competências empreendedoras como identificação de oportunidades, iniciativa, visão de futuro, criatividade, design de soluções e gestão de riscos. São importantes forças de inovação e renovação estratégica dentro das empresas.



As iniciativas intraempreendedoras podem ser direcionadas ao desenvolvimento de novas soluções, redesenho de processos, criação de projetos pontuais, validação de novas tecnologias e/ou produtos digitais, dentre outras possibilidades. Podem trazer benefícios como:

  • redução de custos / savings

  • eficiência operacional



  • integração de pessoas, times, áreas e unidades de negócio

  • transformação cultural, dentre outros.

Para habilitar o intraempreendedorismo em uma organização, pode-se estruturar uma série de iniciativas coordenadas. Aqui, destaco o Programa de Intraempreendedorismo: um projeto especial, conectado a diretrizes estratégicas da organização, e que pode ser conduzido ao longo de até 20 semanas, assumindo o desenho de um programa intern


o de aceleração e desenvolvimento de ideias e pessoas. A título de exemplo, um programa de tal natureza seria composto de:

  • Definição dos Desafios / Temáticas a explorar (conectadas às estratégias da organização)

  • Comunicação do Programa

  • Composição das Equipes participantes

  • Bootcamp: trilha de qualificação e desenvolvimento de competências, como metodologias ágeis, cultura lean e design thinking

  • Trilha de Mentorias para as equipes participantes (mentor@s externos e internos)

  • Check-Points internos (com


as áreas de negócio e operação envolvidas e/ou impactadas)

  • Hackathon (para conexão com a comunidade empreendedora / desenvolvedora)

  • Demoday

Dentro de cada tópico mencionado, há uma série de elementos, como propósito, design da experiência, equipe de facilitação


, recursos, métricas de sucesso, dentre outros.

É importante destacar que, como especialista em programas de inovação e intraempreendedorismo, a iconee reconhece que cada organização (sim, a sua empresa) pode demandar um desenho p


articular, para se adequar às peculiaridades do seu negócio. Por isso não acreditamos em soluções de prateleira, mas em uma cocriação colaborativa com cada cliente


, para que os seus propósitos e expectativas sejam sempre considerados.

Quer saber mais sobre Intraempreendedorismo e sobre outras possibilidades de soluções nessa temática? Vamos agendar um café virtual para explorar como a cultura e práticas intraempreendedor


as podem transformar positivamente a sua organização!

Abraços,

Fabiano Birchal - Founder e Líder Exec


utivo | iconee

fabianobirchal@iconee.com.br | (31) 99768-0376



Referências:

  • APPELO, J. Management 3.0: Leading Agile Developers, Developing Agile Leaders. Pearson Education, Inc. 2011.

  • DRUMMOND, R. Fazendo a inovação acontecer. 1 ed. São Paulo: Planeta Estratégia, 2018.

  • GRANT, A. Originais: como os inconformistas mudam o mundo. 1 ed. São Paulo: Sextante, 2017.

  • HAMEL, G.; ZANINI, M. Humanocracy: creating organizations as amazing as the people inside them. 1 ed. Harvard Business Review Press, 2020.

  • LALOUX, F. Reinventando as organizações. 1 ed. Curitiba: Voo, 2017.

  • ROGERS, D. Transformação digital: repensando o seu negócio para a era digital. 1. ed. São Paulo: Autêntica Business, 2017.

Sobre o autor:

Fabiano Birchal - Especialista em Inovação e Gestão

Mestre em Administração (UFLA) e Especialista em Gestão de Pessoas (FDC). Atua nas áreas de Inovação e Transformação Digital, Desenvolvimento de Pessoas e Empreendedorismo. Fundador e Líder Executivo na iconee; Ampla experiência como Gestor e Consultor de empresas, tendo desenvolvido e executado projetos em setores diversos, a saber: Tecnologia da Informação; Automotivo; Saúde; Consultoria; Aceleração de Startups; Educação, dentre outros. Professor de Pós-Graduação na FDC, Skema, Grupo ANIMA, PUC Minas, Carta Consulta e IGTI; Mentor em Programas de Startups; TEDx Speaker; Certificado no método LEGO® Serious Play; Certificações pelo MIT; San Diego University; Michigan University; Babson College; Boston Consulting Group; Kaos Pilot.

https://www.linkedin.com/in/fabianobirchal

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo